Quarta-feira, 16 de Abril de 2008

A Charola ao Pormenor

Arquitectonicamente a Charola é constituída por um tambor central octogonal e um deambulatório exterior de 16 faces – a cada uma das oito faces do tambor correspondem duas do deambulatório.


Estas 16 faces – tramos - foram numeradas, por uma questão de facilidade documental, de 1 a 16 sendo a nº 1 a primeira à direita de quem acessa a Charola através do arco triunfal.

Cada tramo, tendo em conta a sua imponente altura, é dividido em três registos – superior, médio ou intermédio e inferior.


O registo superior é constituído pelas grandes pinturas murais intercaladas pelos janelões – os tramos impares têm janela e os pares pintura. Tal ritmo apenas é quebrado nos tramos 13 e 15. Em ambos os casos estamos perante entaipamento das originais janelas com posterior execução de pintura mural – no tramo 13 o Adão e Eva e no 15 a Apresentação de Cristo a Pilatos.


O registo médio é preenchido pela colecção de pintura sobre tábua encimadas pelos murais putti com filacteras.


O registo inferior é ocupado pelas pequenas capelas, portas de acesso à torre sineira e Claustro do Cemitério e um tumulo – tramo 9.


publicado por Equipa SAPO às 11:02
link do post | comentar | favorito

Equipa de Restauro







Parceiros

Ligações

Arquivos

Maio 2009

Abril 2009

Janeiro 2009

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Subscrever feeds